Terça-Feira, 17 de Outubro de 2017
Colunistas - 12/08/2017

Cristina Barbosa

Simplesmente Vinho

Visitando a Vinícola Bracco Bosca em Montevideo

Passando alguns dias em Montevideo, decidimos levar o nosso grupo familiar para compartilhar um pouco das delícias do universo das vinhas e dos vinhos

Enoleitores ,
Passando alguns dias em Montevideo decidimos levar o nosso grupo familiar para compartilhar um pouco das delícias do universo das vinhas e dos vinhos.


Foi excelente a visita à pequena e charmosa vinícola BraccoBosca , aonde fomos muito bem recebidos , principalmente pela simpática e gentil proprietária Fabiana Bracco , que passeando pelos vinhedos pode nos ir contando a história da vinícola , assim como apresentando as diferentes castas plantadas .


Por ser inverno,  as vinhas estavam sendo podadas , e com a participação do primo Enrique Sartori Bracco, responsável pela viticultura , recebemos  um aprendizado - in loco - sobre como podar adequadamente.

Após  a visita ao campo seguimos para a apresentação e degustação dos vinhos complementadosí por uma mesa caprichada de petiscos elaborados  pela Sra Mirtha Bosca , mãe de Fabiana , aonde pudemos fazer nosso treino , analisando cada um e a seguir , constatando as harmonizações adequadas ou incorretas.
Dentre os vários vinhos que provamos e aprovamos neste dia destaco:

 

•    Ombu 2016 - sauvignon blanc - boa surpresa este branco, de cor amarelo palha com reflexões verdeais , brilhante , seus aromas são de frutas tropicais como maracujá, leve herbáceo, toque mineral, na boca seco, sápido, fresco, longo, deixa um sabor cítrico no final , lembrando capim limão.

 

•    Ombu Tannat 2015 - este vinho apresentava  coloração vermelho rubi violáceo, halo rosado, fermentado sem intervenção e sem passar em barricas , no nariz  frutas negras , pimenta do reino, toque floral, na boca seco , acidez correta, taninos finos ainda jovens , longo sentindo- se amoras em compota. 

 

•    Ombu 2015 petit  verdot - descansa 6 meses em barricas , de coloração vermelho rubi violáceo, exalava frutas negras, toque floral, pimenta do reino; na boca seco, acidez correta, taninos finos, persistente deixando uma boa fruta no final de boca.

 

•    Gran Ombu 2016  cabernet franc -  premiado pelo guia Descorchados , apresentava a cor vermelho rubi granada, leve transparência, brilhante, aromas de frutas vermelhas, herbáceo, pimenta ; na boca seco, taninos finos ainda jovens, equilibrado, persistente , retronasal frutado.

 

•    Ombu 2016 - Tannat Reserva  - na cor vermelho rubi violáceo, brilhante ; no nariz frutas negras, estábulo, chocolate ,  couro; no paladar seco, taninos finos porém jovens, equilibrado, longo, deixando um sabor de ameixa madura na boca .Este vinho fica melhor ainda, se guardado por alguns anos.

 

Foi um passeio tão gostoso e agradável que alongou-se mais que o planejado, e todos saíram felizes e satisfeitos com a visita, parecia que havíamos viajado para longe , mas na realidade estávamos há cerca de 40 minutos de Montevideo.


Esta é uma das diversas possibilidades que o Uruguai nos proporciona , possibilitando , a curtir os prazeres da cidade grande , aliados  a visitas ao campo, devido a sua proximidade.


Enoabraços e uma ótima semana a todos!