Rádio Jornal da Orla/Digital Jazz

Ouça agora

Empreendedores/Empreendedores | 26/10/2019

Três décadas de referência

BÁRBARA CAMARGO - DA REDAÇÃO

Pense em uma loja para comprar artigos e materiais específicos para a prática de esportes em Santos. A mais tradicional, que resiste ao tempo, está no mesmo lugar há mais de três décadas: Pepino Esportes.

 

O ano de 1985 foi decisivo para o santista Pepino, proprietário da loja. Depois de trabalhar na indústria, em São Paulo, e, por isso, ter que subir e descer a serra todos os dias, ele decidiu mudar de ramo e abrir um pequeno comércio especializado em moda infantil. O Super Centro Comercial do Boqueirão foi o local escolhido para a Pesutita (Pepino, Sueli, Tiago e Tatiana, nomes de esposa e filhos), que durou quatro anos. 

 

“Como eu sempre fui muito ligado a esportes, em 1989, optamos por transformar totalmente a proposta da loja e abrimos, aqui mesmo, a Pepino Esportes. Foi um sucesso na época”, lembra. 

 

Durante todos esses anos, a Pepino resiste junto ao Super Centro, acompanhando o fechamento de estabelecimentos concorrentes e a criação de grandes magazines e hipermercados que também mantêm produtos esportivos em seus portfólios. 

 

“Nosso forte sempre foi a qualidade. Nós trabalhamos com as melhores marcas para que o cliente venha diretamente nos procurar. A gente sempre consegue melhorar o preço, pois somos proprietários desse espaço”, explica. 

 

As encomendas de uniformes de times de futebol de salão e society e os materiais infantis são as principais vendas da Pepino Esportes. Além disso, o empresário tem expandido os negócios e, desde abril, comanda a loja que fica dentro do Museu Pelé, no Valongo. 

 

“Lá é outro público, são turistas, muitos estrangeiros, que querem souvenirs e camisetas do Santos Futebol Clube. O movimento é muito grande e temos boa expectativa com a temporada de cruzeiros que inicia em breve”, comemora Pepino, que divide o comando dos negócios com o filho Tiago. “Meu filho nasceu e cresceu aqui. Esta é uma empresa de família”, diverte-se o empresário. 

 

Foto: Gabriel Soares
 


Leia também