Rádio Jornal da Orla/Digital Jazz

Ouça agora

Cultura/Dança | 20/11/2020

Obra audiovisual homenageia Gilberto Mendes

DA REDAÇÃO
Divulgação

Espetáculo de dança 'Rosa dos Ventos' será transmitido no Facebook da Pinacoteca.

A Pinacoteca Benedicto Calixto realiza o lançamento da videodança "Rosa dos Ventos," com a participação de seus realizadores em evento online, no Facebook da Pinacoteca, no dia 28 de novembro (sábado), às 15h30. 


"Rosa dos Ventos" é uma obra audiovisual realizada na linguagem da videodança, com performance da professora de dança e educadora física Tatiana Justel e baseada na música Vento Noroeste, do compositor e maestro Gilberto Mendes (Santos, 13 de outubro de 1922 – Santos 1 de janeiro de 2016).  


Trata-se de um trabalho híbrido de dança com audiovisual, inédito, não tendo Tatiana Justel realizado nenhum trabalho baseado nessa música até então. A ideia para o trabalho surgiu a partir de Tatiana, que sentiu a necessidade de homenagear Gilberto Mendes, por ocasião de seu aniversário em 2020, em que completaria 98 anos. Amiga pessoal de Gilberto, Tatiana participou com ele de diversos saraus.  


O chamado vento noroeste é o mais famoso dos ventos santistas. Forte e abafado, levanta muita poeira e é prenúncio de chuva. Aliado à alta umidade da região, aumenta a sensação de calor, o que causa mal-estar nas pessoas.  


A música Vento Noroeste foi composta a pedido do pianista Caio Pagano, a quem é dedicada e por ele foi estreada no Festival de Miami, em 1982. De acordo com Márcio Bezerra, em seu artigo A Evolução de um Pianismo Eclético: Gilberto Mendes e o Uso da Citação Musical, publicado na Revista Música, volumes 9 e 10 (1998-1999), ela é “o mais complexo exemplar do repertório pianístico de Gilberto Mendes... Em Vento Noroeste, os fragmentos utilizados pelo compositor são tirados do repertório pianístico romântico, particularmente dos Estudos e Prelúdios de Chopin. Embora haja um grande número de citações, elas são integradas à obra através do uso de agregados de doze tons, distribuídos dentro duma estrutura formal bem delineada”. É uma obra através da qual é possível apreciar a plena maturidade alcançada pelo compositor. Vento Noroeste, ao mesclar estéticas aparentemente opostas, não se encaixa nos cânones técnicos e estéticos que têm norteado a produção musical brasileira contemporânea, o que denota o caráter revolucionário deste compositor. 


O roteiro tem características inspiradas na mitologia grega. A personagem que performa é uma espécie de deusa do vento noroeste, que nasce, se desenvolve, cumpre a sua missão e descansa. Após surgir de uma pupa, a deusa, agora liberta, percorre e domina a cidade com vigor. Ao final de sua “dança”, ela desaparece na natureza.  


Rosa dos Ventos incorpora diferentes figuras de linguagem amarradas ao fluxo da narrativa, onde os simbolismos e a poesia visual se mesclam à performance precisa, porém singular, de Tatiana Justel, que foi amparada por seu background absolutamente eclético na área da dança.  


Para a direção, Tatiana escolheu o cineasta Carlos Oliveira, por sua experiência em filmes relacionados à história de Santos e seus renomados personagens. Carlos pensou em uma correlação teórico-conceitual entre a música de Mendes e a videodança que seria realizada. Ele buscou inspiração em estéticas como o concretismo, o minimalismo, a videoarte e o cinema experimental. O diretor de fotografia André Luiz, expert em wedding cinema, capturou imagens primorosas.  Destacam-se cenas rodadas em câmera lenta, a aceleração da velocidade das imagens e o uso de efeitos visuais, características que sutilmente adicionam um viés metalinguístico ao trabalho. 


A criação desta videodança contou com a consultoria artística do escritor e crítico literário Flávio Viegas Amoreira, que também foi amigo de Gilberto Mendes e, recentemente, lançou uma biografia do compositor. 
 

Serviço:
Evento On line: LANÇAMENTO DA VIDEODANÇA “ROSA DOS VENTOS” 
Facebook – Pinacoteca Benedicto Calixto: https://www.facebook.com/FundacaoPinacotecaBenedictoCalixto/
Data: 28/11/2020 / Horário: das 15h às 16h
Acesso: Gratuito
 


Leia também