Rádio Jornal da Orla/Digital Jazz

Ouça agora

Colunistas/Saúde e Beleza | 24/04/2021

Laser de Nd Yag

Júlia Mendes é médica dermatologista e pediatra. CRM: 101090-SP / RQE: 32157/ RQE: 27484

Freepik

O laser de Neodímio YAG (ítrio-alumínio-granada) é um dispositivo que emite uma série de pulsos de alta energia em breves espaços de tempo de nano segundos, em um comprimento de onda de 1064 nm, na faixa do infravermelho. 

 

  • Indicações do LASER ND YAG?
  • O laser Nd:YAG Possui amplo espectro de ação, tendo várias indicações clínicas. 
  • Por apresentar baixa afinidade pela melanina é seguro, tanto em peles claras quanto em negras e bronzeadas. 
  • É o melhor laser para pele morena, pois o Laser ND YAG age mais profundo que os demais e tem menos afinidade com a melanina permitindo assim uma melhor eficiência na depilação de peles negras.

 

Indicado para: 

  1. Tratamento vascular (como telangiectasias, vasinhos e varizes), 
  2. Tratamento de micose de unha, 
  3. Depilação a laser,
  4. Peeling térmico, 
  5. Remoção de tatuagens, 
  6. Remoção de maquiagem definitiva, 
  7. Tratamento de manchas, 
  8. Melasma, 
  9. .Manchas escuras nas axilas e virilha
  10.  Seguro para peles morena
  11.  Correções de rugas faciais,
  12.  Redução de olheiras.
  13.  Tratamento da rosácea
  14.  Rejuvenescimento facial com estímulo do colágeno e da elastina
  15.  Promove a melhora da textura da pele e dos poros.
  16.  Indicado para acne,
  17.  Tratamento de poros dilatados.
  18.  Correções de cicatrizes deixadas pela acne,

 

  • Outros nomes do LASER ND YAG?
  • Laser Genesis, Laser Q-Switched, Laser Solon Multi Station, Gentle Yag, Quanta System, Smart Epil

 

  • Depilação a LASER com o ND YAG?
  • Ele é eficiente tanto em pelos grossos quanto finos, 
  • Na depilação a laser, é importante raspar os pelos ou cortá-los bem rente à pele. Nunca retire os pelos com pinça ou faça depilação com cera.
  • Pode ser feito em qualquer tonalidade de pele, das mais claras às mais escuras. 
  • Isso porque, diferente de outros tipos de laser, ele não tem tanta afinidade com a melanina, portanto não atinge as peles morenas e negras, que tem maior quantidade desse pigmento. 

 

  • Tratamento de micose de unha com o LASER ND YAG?
  • Micose de unha: aplica-se na unha afetada até chegar à temperatura de 40 graus. Aí mantem por mais 3 minutos.
  • As unhas devem estar sem esmalte e liadas por cima e na borda livre
  • É necessário 4 a 6 sessões, uma por mês. 

 

  • Remoção de tatuagens a LASER com o ND YAG?
  • É muito indicado para as tatuagens mais escuras e profundas.
  • A melhora de manchas ou da tatuagem já pode ser observada na primeira sessão. No entanto, a melhora é mais rápida ou mais lenta de acordo com a quantidade de pigmento
  • Pode ficar alguma mancha residual ou a pele com aspecto cicatricial no final do tratamento.

 

  • Tratamento vascular a LASER com o ND YAG?
  • Em tratamentos vasculares, é importante evitar o uso de anticoagulantes sistêmicos.
  • Evitar tocar o local tratado logo após as sessões e não remover as possíveis crostas para não deixar a cicatriz.

 

  • Possíveis riscos e complicações na aplicação do LASER ND YAG?
  • O laser Nd YAG é muito seguro e um dos que causam menos riscos e complicações. 
  • No entanto, há um risco mínimo de formação de manchas hipocrômicas (claras) e cicatrizes deprimidas ou do tipo queloide.
  • Pode ocorrer também dor, vermelhidão, irritação, coceira e formação de pequenas feridas na pele. Nesses casos, o médico pode recomendar corticoides de uso local, hidratantes e antialérgicos.
  • É importante evitar o sol antes da aplicação do laser, pois o ideal é que a pele não esteja bronzeada
  • Após o tratamento é importante evitar a exposição ao sol, cobrindo a área tratada ou com o uso de protetor solar com FPS maior do que 30.

Converse com o seu médico dermatologista associado a SBD sobre as tecnologias a laser.

 

Foto: Freepik


Este artigo é de responsabilidade do autor e não reflete a linha editorial e ideológica do Jornal da Orla. O jornal não se responsabiliza pelas colunas publicadas neste espaço.


Leia também

Colunistas | 12/06/2021