Rádio Jornal da Orla/Digital Jazz

Ouça agora

Notícias/Local | 21/07/2021

Vilas Criativas de Santos chamam atenção de projeto nacional de inclusão

Isabela Carrari/PMS

Presidente da Central Única das Favelas visitou a cidade.

As Vilas Criativas Mercado e da Beleza, na Vila Nova, onde a Prefeitura desenvolve programas de capacitação para pessoas em vulnerabilidade social chamaram a atenção da Central Única das Favelas (Cufa), organização brasileira que promove integração e inclusão social em regiões periféricas.

 

Na manhã desta quarta-feira (21), o presidente nacional da instituição, Preto Zezé, visitou as instalações santistas para conhecer uma das iniciativas que contribuíram para o título de Cidade Criativa ao Município, atribuído pela Unesco.

 

“É muito bom saber que a Prefeitura entende a importância de uma sociedade organizada, que faz com que a política pública chegue aos lugares em que, muitas vezes, o poder público não enxerga”, elogiou Preto Zezé.

 

Representantes da Cufa e da Prefeitura começaram a visita pelo prédio da Vila Criativa da Beleza, percorrendo os espaços de aulas e os ambientes de atendimento aos clientes. Na sequência, seguiram para a Vila Criativa do Mercado, onde conheceram a oficina de costura e a loja de suvenires da Cidade, “Criative-se”.

 

O prefeito Rogério Santos falou sobre desafios. “Santos é uma cidade de qualidade de vida elevada que precisa alcançar mais pessoas e a Prefeitura está atuando para criar cada vez mais oportunidades, principalmente por meio dessa ferramenta que é a economia criativa”, disse. O líder da Cufa recebeu esculturas em madeira dos monumentos O Peixe e o de Tomie Ohtake, ambas obras do artista Anderson Camargo, da Vila Criativa.

 

Também participaram da visita o secretário de Desenvolvimento Social Carlos Mota e o presidente da Cufa da Baixada Santista, Deraldo da Silva.

 

CUFA
A Cufa é uma organização brasileira reconhecida nacional e internacionalmente nos âmbitos político, social, esportivo e cultural que existe há 20 anos. Foi criada a partir da união entre jovens de várias favelas, principalmente negros, que buscavam espaços para expressar atitudes, questionamentos ou simplesmente sua vontade de viver. A organização promove atividades nas áreas da educação, lazer, esportes, cultura e cidadania, atuando, além do Brasil, em países como Bolívia, Alemanha, Chile, Hungria, Itália e Estados Unidos.

 

VILAS CRIATIVAS
As vilas criativas são centros culturais criados pela Prefeitura de Santos com o objetivo de promover a inclusão social, cultural e econômica através da economia criativa, preponderantemente em bairros com menor IDH.

 

São sete unidades onde há cursos de capacitação profissional gratuitos em diversas áreas como beleza, culinária, serviços gerais, artesanato etc. Nas unidades, também são realizadas atividades culturais como apresentação de peças teatrais, filmes e exposições.

 

A loja da Vila Criativa funciona dentro do espaço (Praça Iguatemi Martins s/nº), de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h.


Leia também